Nova Coleção “Os Pensadores” na Biblioteca da FASBAM

Uma das coleções brasileiras mais famosas de filosofia é a coleção “Os Pensadores” que reúne algumas das principais obras da história da filosofia. Publicada originalmente pela editora Abril Cultural, entre os anos de 1973/1975, A coleção era composta de 52 volumes e auxiliou gerações de brasileiros a estudar filosofia.

Atualmente, a Folha reeditou a coleção e disponibilizou em 30 volumes. Não são exatamente os mesmos títulos da primeira edição, pois o objetivo desta nova coleção, segundo a editora, é refletir sobre os principais temas da atualidade: a ética, a justiça, a intolerância, o feminismo, o racismo e as liberdades individuais.

A coleção adquirida pela FASBAM, que no último ano investiu na compra de mais de 1.000 livros para enriquecer ainda mais o acervo da Biblioteca, também apresenta traduções mais elaboradas, como é o caso do volume da Crítica da Razão Pura, de Immanuel Kant.

Cada um dos novos títulos estará à disposição para empréstimo em nossa Biblioteca para toda a comunidade acadêmica.

    1. Platão, A República
    2. Auguste Comte, Discurso sobre o Espírito Positivo
    3. Bell Hooks, Ensinando a Transgredir
    4. René Descartes, Regras para a Orientação do Espírito
    5. Max Weber, Ciência e Política: duas vocações
    6. Voltaire, O Preço da Justiça
    7. Claude Lévi-Strauss, Antropologia Estrutural
    8. Santo Agostinho, Sobre a Mentira
    9. Michel Foucault, A Sociedade Punitiva
    10. Mary Wollstonecraft, Reivindicação dos direitos das Mulheres
    11. Jean-Jacques Rousseau, Discurso sobre a Origem e os Fundamentos da Desigualdade entre os Homens
    12. Nicolau Maquiavel, A Arte da Guerra
    13. Adam Smith, Teoria dos Sentimentos Morais
    14. Karl Marx, Manuscritos Econômico-Filosóficos
    15. Frédéric Bastiat, A Lei
    16. Carter G. Woodson, A (Des)Educação do Negro
    17. Aristóteles, Sobre a Alma
    18. Ludwig Von Mises, As Seis Lições
    19. Immanuel Kant, Crítica da Razão Pura
    20. Luiz Gama, Humor e Crítica: Armas do Pioneiro Abolicionista
    21. Étienne De La Boétie, Discurso sobre a Servidão Voluntária
    22. Ruth Benedict, Padrões de Cultura
    23. Émile Durkheim, As Regras do Método Sociológico
    24. John Stuart Mill, Sobre a Liberdade
    25. Arthur Schopenhauer, A Arte de Ter Razão
    26. Friedrich Hayek, O Caminho da Servidão
    27. Edison Carneiro, Ladinos e Crioulos
    28. Ludwig Feuerbach, A Essência do Cristianismo
    29. Thomas Hobbes, Leviatã
    30. Leo Strauss, Direito Natural e História

Desejamos a todos uma boa leitura!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.