Professores da FASBAM têm artigo científico publicado pela Revista Sofia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Intitulado como: O sujeito, o prazer e o gozo na pós-modernidade: Uma leitura a partir de Montaigne e Freud, o artigo dos professores Rogério Miranda de Almeida e Fabiano de Mello Vieira é composto de reflexões que se propõem analisar a questão do sujeito e suas relações com o prazer, o desprazer e o gozo na pós-modernidade a partir das perspectivas de Montaigne e Freud. Com efeito, estes dois exploradores da mente e do comportamento humanos revelam várias similitudes entre si, apesar dos mais de trezentos anos que os separam e das diferenças de método de que se serviram para elaborarem suas descobertas. Montaigne centra suas análises sobre os motivos e os móbeis do agir humano a partir do pensamento dos moralistas clássicos e, em especial, dos estoicos e de Plutarco. Quanto a Freud, ele tem em seu favor a teoria e a experiência analíticas que lhe permitiram trazer à tona, simbolizando-a, a linguagem do inconsciente. Ambos os pensadores, porém, souberam captar, nas suas nuanças e gradações, as relações que se dão entre o prazer, o desprazer e o gozo e, assim, anteciparam um dos temas proeminentes da chamada pós-modernidade.

Faça já a leitura do artigo completo, clicando aqui.

Sobre a Revista Sofia: vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Espírito Santo, publica artigos inéditos, traduções e resenhas na área de Filosofia, de autoria de professores e pesquisadores doutorandos ou com títulos de mestre ou doutor. Desta forma, visa contribuir para o debate na comunidade filosófica nacional e internacional. A publicação tem periodicidade semestral, com números previstos para os meses de julho e dezembro. O material inclui dossiês temáticos, artigos de fluxo contínuo, traduções e resenhas. Serão aceitos trabalhos originais em línguas portuguesa, inglesa, francesa, espanhola, italiana ou alemã.

4 thoughts on “Professores da FASBAM têm artigo científico publicado pela Revista Sofia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *