Dica da Biblioteca #6

Hoje, na dica de leitura que a Sirlene preparou, a gente pode conferir o livro O Verbo se Fez Rede, de Moisés Sbardelotto, Doutor em Comunicação que participou do Ciclo de Palestras em preparação para o 52º Dia Mundial das Comunicações durante o mês de maio; e o livro O Pedagogo, de Clemente de Alexandria, grande escritor, teólogo e apologeta de origem grega.

E O VERBO SE FEZ REDE

Autor: Moisés Sbardelotto

Número de chamada: 261.52 S276v

Sinopse:

“Redes”, “redes sociais”, “redes digitais”, “redes midiáticas”: tudo é “rede”. Com o desenvolvimento da internet e do ambiente digital, as pessoas encontram novas formas de relação e de interação, sem fronteiras de espaço e sem limites de tempo. Passamos a viver em uma sociedade da comunicação e da conexão, em velocidade e abrangência crescentes.
Para as religiões em geral, esse é um grande desafio contemporâneo. O ambiente digital emerge como um novo lócus religioso e teológico. Formam-se novas modalidades de percepção, de experiência e de expressão do “sagrado” em novos ambientes comunicacionais. E as práticas sociais no ambiente on-line, a partir de lógicas midiáticas, complexificam o fenômeno religioso. O “sagrado” passa a circular, fluir, deslocar-se nos meandros da internet por meio de uma ação não apenas do âmbito da “produção” eclesiástica nem só industrial-midiática, mas também mediante uma ação comunicacional das inúmeras pessoas conectadas.
“A internet é uma realidade que já faz parte da vida cotidiana: não uma opção, mas um fato. A rede, hoje, se apresenta como um tecido conectivo das experiências humanas. Não um instrumento. As tecnologias da comunicação, portanto, estão criando um ambiente digital no qual o ser humano aprende a se informar, a conhecer o mundo, a estreitar e a manter vivas as relações (…). A evangelização não pode desconsiderar essa realidade. E é esse fenômeno que Moisés Sbardelotto perscruta neste seu livro, de modo articulado, preciso e profundo, ao mesmo tempo” (Antonio Spadaro, S.I., diretor da revista La Civiltà Cattolica).

O PEDAGOGO

Autor: Clemente de Alexandria

Número de chamada: 189.2 C626p

Sinopse:

O coração do Pedagogo é o Verbo. Este mesmo “Verbo que se fez carne e habitou entre nós”. (Jo, 1,14). O Verbo de Deus entrou num tempo e num espaço, a cerca de dois mil anos nas terras do Oriente: Ele é a “Luz do Oriente” que veio iluminar todo homem e toda mulher que vem a este mundo. E tornou participantes desta missão aqueles que dele receberam esta iluminação imediata pelas suas pregações, seus milagres e foram banhados pelo fulgor da sua gloriosa Ressurreição e pelo fogo inextilgüível de Pentecostes.

Dentre estes, os Santos Padres; primeiros alunos do “Divino Pedagogo” na esteira dos Santos Apóstolos. Daqui emerge como um farol a irradiar tal fulgor o nobre Clemente de Alexandria, cuja presente obra chega às nossas mãos. Sem mérito nenhum da minha parte faço esta apresentação, mas com a alegria de ser sacerdote de uma Igreja Oriental Católica (Greco-Melquita), cujo Patriarcado abriga os cristãos da Antioquia, Jerusalém e Alexandria: uma das primeiras comunidades cristãs florescida nesta mesma terra do grande Egito onde reluzem com o fulgor do seu famoso Farol a Fé, a Mistica, e toda espiritualidade forjada no fogo do Espírito Santo que é a alma do Corpo de Cristo: a Igreja, que na plenitude de seu sadio funcionamento respira com seus dois pulmões: Oriental e Ocidental.

SIRLENE MAZUR
BIBLIOTECÁRIA

Lorem ipsum..

Quer saber mais sobre o acervo da nossa Biblioteca?

CLIQUE AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *