O DIA DO SENHOR EM SUA DIMENSÃO ESCATOLÓGICA

ANÁLISE EUCOLÓGICA DO PREFÁCIO DOS DOMINGOS DO TEMPO COMUM IX

Autores

  • Solano Santos Pereira

DOI:

https://doi.org/10.35357/2965-4564.v1n2p35-56/2023

Palavras-chave:

Missal Romano, Domingo, Dia do Senhor, Liturgia, Escatologia

Resumo

O Domingo como Dia do Senhor é reservado para a celebração e a vivência do Mistério Pascal de Cristo, sendo um dia festivo contém em si um forte sentido escatológico, expresso sobretudo nos textos litúrgicos. Entretanto, faz-se necessário destacar o seu significado de dia que prepara para a eternidade e a iminente vinda do Senhor por meio das eucologias oferecidas pelo atual Missal Romano. Este artigo busca oferecer uma análise da centralidade do domingo em sua estreita relação com a dimensão escatológica presente no Prefácio IX para o Tempo Comum. A metodologia empregada consiste em pesquisa bibliográfica documental com base em documentos magisteriais, ressaltando os pontos abordados pelos autores, pertinentes ao assunto. A celebração do Dies Domini por meio da assembleia litúrgica dominical faz com que se realce ainda mais o Mistério deste dia. Além disso, prefigura e antecipa a realidade futura, onde em meio às alegrias e o repouso se alimenta ainda a feliz esperança de contemplar a face de Deus. Conclui-se afirmando que o rico sentido que fundamenta todo o Dia do Senhor deve ser pastoralmente renovado, para que assim as celebrações dominicais possam ser bem preparadas por serem expressão do Mistério de Cristo acreditado, celebrado e vivido, que já antegozamos no Culto da Igreja.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

30-12-2023

Como Citar

PEREIRA, Solano Santos. O DIA DO SENHOR EM SUA DIMENSÃO ESCATOLÓGICA: ANÁLISE EUCOLÓGICA DO PREFÁCIO DOS DOMINGOS DO TEMPO COMUM IX. Ars Celebrandi - Revista de Liturgia, Curitiba, FASBAM, v. 1, n. 2, p. 35–56, 2023. DOI: 10.35357/2965-4564.v1n2p35-56/2023. Disponível em: https://fasbam.edu.br/pesquisa/periodicos/index.php/arscelebrandi/article/view/529. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos